sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Sou carioca, com muito orgulho...

Postado por Lily Luz às 14:34

...com muito amor!

Acima de tudo sou brasileira, amo meu país, amo meu povo. Estou muito feliz com a vitória alcançada. É um vitória não só dos cariocas, mas de todo brasileiro e de todo um continente, uma vez que a América do Sul nunca sediou uma olimpíada. Hoje é dia de festa Brasil!!! Dia lindo de sol no Rio de Janeiro. O Cristo Redentor de braços sempre abertos pra nós, olhava lá de cima, e como com um sorrisinho no rosto, pensava: "Esse povo merece ser feliz!".

***
O Brasil, que lutava há mais de uma década pelo direito de sediar os Jogos, ganhou a disputa na lágrima, da mesma forma como costuma festejar suas conquistas em cima do pódio em competições mundo afora (ô povo que não desiste nunca!). Com uma apresentação marcada pelo tom emotivo nesta sexta-feira, o Rio deu a cartada final para convencer os integrantes do Comitê Olímpico Internacional a plantar o movimento olímpico na América do Sul pela primeira vez.

Barack Obama, que chegou à Dinamarca em cima da hora, já está no avião de volta, com as mãos vazias e uma decepcionante eliminação na primeira rodada. A população japonesa, em sua maioria contra a candidatura, pode festejar a saída na segunda fase. Madri surpreendeu e avançou à final, mas não conseguiu emplacar duas Olimpíadas seguidas na Europa.

A vitória, na verdade, começou bem antes disso. Após duas tentativas frustradas para as edições de 2004 e 2012, o projeto de 2016 teve o mérito de unir as três esferas de governo. Além disso, a comitiva em Copenhague incluiu não apenas o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mas um rol de astros esportivos como Pelé, Cesar Cielo, Guga e Torben Grael.

Quando foram anunciadas as eliminações prematuras de Chicago e Tóquio, o Rio sabia que teria, na última rodada de votação, um adversário de peso. No relatório técnico do COI, Madri ficou à frente dos cariocas. Na hora da decisão, contudo, os votantes mudaram de opinião.

Quando o Brasil ainda estava na madrugada, começaram as apresentações em Copenhegue. A primeira cidade a falar para os integrantes do Comitê Olímpico foi Chicago. O presidente Barack Obama, que tinha chegado algumas horas antes, reforçou o discurso de “uma América de portas abertas para o mundo”. A apresentação foi pragmática e ainda passou por um momento de saia justa, quando o paquistanês Syed Shahid Ali, membro do COI, questionou a dificuldade que alguns estrangeiros têm para conseguir visto de entrada nos Estados Unidos (tipo eu assim,né?). Enfático, Obama afirmou que acredita num país mais receptivo ao mundo. Mas não terá os Jogos de 2016 para provar a tese (Tô morrendo de pena!).

Na apresentação de Tóquio, o premiê Yukio Hatoyama estava desconfortável por ter que discursar em inglês. Diante da preocupação do COI com o meio ambiente, os japoneses tentaram convencer os votantes de que poderiam fazer os Jogos mais ecológicos da história. Pelo visto, não conseguiram.

O Brasil entrou em cena na terceira apresentação, batendo na tecla de que a América do Sul merecia a chance de, enfim, sediar o evento. O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, chegou a citar o pré-sal como trunfo verde-amarelo. O governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes reforçaram o elo entre todas as esferas políticas. Mas foi a emoção que deu o tom dos discursos. A jovem Bárbara Leôncio, do atletismo, não conteve as lágrimas enquanto sua imagem aparecia no telão. E o presidente Lula resumiu o espírito da candidatura ao citar a paixão brasileira pelo esporte: “Chegou a hora”.

Madri veio em seguida e surpreendeu (MEDO nessa hora!). A capital espanhola mostrou um projeto seguro e confiável, até em um de seus pontos fracos: o controle de doping - a comitiva levou a Copenhague uma carta com garantias da Agência Mundial Antidoping (Wada). Com 77% das instalações para 2016 já construídas, Madri apresentou uma candidatura de poucos riscos. “É a decisão segura”, afirmou o presidente do governo espanhol, José Luis Zapatero.

Em vez da segurança espanhola, venceu a emoção brasileira (!!!!!). Até 2016.


Tem como não AMAR ser brasileira???
Tem como não ter ORGULHO de ser carioca e morar na cidade mais LINDA do mundo?!!!

Agora, é pé no chão, hora de trabalho árduo, pra melhorar as condições de infraestrutura, segurança e trânsito da cidade. Gerar empregos e reforçar o efetivo da polícia. Porque muito mais que a festa, nós queremos um Rio melhor. Mais seguro, mais limpo e mais bonito...se é que isso é possível.

8 comentários:

Carol on 2 de outubro de 2009 17:15 disse...

Eliiis, que orgulho do Rio! :)
Tô muito feliz e pretendo estar aí em 2016 (antes eu quero assistir um jogo da copa no Maraca hahahah, já fui, mas não tinha jogo)

Acho tua cidade liiinda!
Agora é trabalhar para ser um show!

Ah, vamos achar um nome pro Ipod (é menino) hahahah

Beijos!

Maite Guadagnoli on 2 de outubro de 2009 19:36 disse...

Torci mto , acho o Rio uma cidade linda, estive aí no meu aniversaRIO DE 18 ANINHOS, faz um tempão, pretendo ir nesses jogos, um beijo, e PARABENS BRASIL

Blog da Fatima on 2 de outubro de 2009 21:34 disse...

Elis!!!
Tbem to mega, hiper, ultra feliz!!Pelo Rio e principalmente peolo Brasil...pois todo o povo brasileiro ganha com isso!!
Quero ver se estou l[a em 2016!!!

bjso no ♥

Fernanda Reali disse...

Sou formada em Turismo e sei que, se a atividade for muito bem planejada, toda a população ganha. Só que não consigo acreditar nisso, temo pelo que pode acontecer. Vejo o abandono das obras do Pan, a falta de merenda nas escolas, de material esportivo, o metrô e os ônibus que comprimem passageiros, tudo me dá medo. Medo do vexame também.

Hoje, fiquei horrorizada com o que vi em Copacabana, entre 13 e 17h. Sujeira, camelôs, engarrafamento gigante, esquinas tomadas por gente assustadora. Odiei o que vi. Tomara Deus que eu esteja sendo pessimista demais, tomara que eu esteja errada.

bjs

BECA on 3 de outubro de 2009 00:16 disse...

É muito bom vermos o Rio pra sediar as olímpiadas em 2016. Espero que todo o dinheiro gasto, reverta muito pra quem mais precisa depois e nos proporcione um show para mostrar ao mundo esta cidade linda de uma outra forma!! Parabéns aos brasileiros!!!

Fernanda Reali on 3 de outubro de 2009 14:04 disse...

Saí com as crianças e Copacabana já estava limpinha hoje, thanks god!

Melhorou da dor de cabeça? Bjs

Carol on 3 de outubro de 2009 17:45 disse...

Adorei o nome pro Ipod, tanto que já está batizado!
Adam agradece! hahahah
Fora que me lembra o Adam do livro Melancia, que é tudo de bom!
hahahah

beijos!

Elis (Coisas de Lily) on 5 de outubro de 2009 15:59 disse...

Carol, que bom que gostou do nome, Ele tem mesmo cara de Adam...rsrsrs


Te espero aqui em 2014 pra gente ir ao Maraca!
beijos!!

 

Coisas de Lily Copyright © 2010 Designed by Elis