quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Sem neura é melhor

Postado por Lily Luz às 17:35
Eu sou o tipo de mulher que come de tudo e não engorda tudo o que come. Casei-me eu pesava 43kg. Imaginou?? Eu era tipo Sandy, sabe? Só tinha cabeça...rsrs...

Na verdade, pra minha altura até que eu não parecia MUITO magra, mas eu queria ser mais cheinha.

Aí, com a idade, com o casamento e com o filho...em 13 anos eu ganhei 10kg. Considerando o IMC eu tô ótima, mas ainda assim eu me culpo ao tomar um copo de Coca-Cola, ou comer um misto-quente, ou então quando eu vou ao shopping só pra comer Batata-Inglesa...

E quando eu peço calça tamanho 38 e só entro na 40 ou na 42?! Bate o arrependimento na hora por ter devorado a caixa de Bis.

Mas lendo o texto de Danusa Leão eu cheguei a conclusão de quem não vale a pena abrir mão (sempre) das coisas que nos dão prazer por pura neura. De vez em quando é bom chutar o balde. E sem culpa. O que é melhor ainda.


"Não há nada que me deixe mais frustrada do que pedir sorvete de sobremesa, contar os minutos até ele chegar e aí ver o garçom colocar na minha frente uma bolinha minúscula do meu sorvete preferido.
Uma só.

Quanto mais sofisticado o restaurante, menor a porção da sobremesa.
Aí a vontade que dá é de passar numa loja de conveniência, comprar um litro de sorvete bem cremoso e saborear em casa com direito a repetir quantas vezes a gente quiser, sem pensar em calorias, boas maneiras ou moderação.

O sorvete é só um exemplo do que tem sido nosso cotidiano.
A vida anda cheia de meias porções, de prazeres meia-boca, de aventuras pela metade.
A gente sai pra jantar, mas come pouco.
Vai à festa de casamento, mas resiste aos bombons.
Conquista a chamada liberdade sexual, mas tem que fingir que é difícil (a imensa maioria das mulheres continua com pavor de ser rotulada de 'fácil').
Adora tomar um banho demorado, mas se contém pra não desperdiçar os recursos do planeta.
Quer beijar aquele cara 20 anos mais novo, mas tem medo de fazer papel ridículo.
Tem vontade de ficar em casa vendo um DVD, esparramada no sofá, mas se obriga a ir malhar.
E por aí vai.

Tantos deveres, tanta preocupação em 'acertar', tanto empenho em passar na vida sem pegar recuperação...
Aí a vida vai ficando sem tempero, politicamente correta e existencialmente sem-graça,
enquanto a gente vai ficando melancolicamente sem tesão...

Às vezes dá vontade de fazer tudo 'errado'.
Deixar de lado a régua, o compasso, a bússola, a balança e os 10 mandamentos.

Ser ridícula, inadequada, incoerente e não estar nem aí pro que dizem e o que pensam a nosso respeito.
Recusar prazeres incompletos e meias porções.
Até Santo Agostinho, que foi santo, uma vez se rebelou e disse uma frase mais ou menos assim: 'Deus, dai-me continência e castidade, mas não agora'...
Nós, que não aspiramos à santidade e estamos aqui de passagem, podemos (devemos?) desejar várias bolas de sorvete, bombons de muitos sabores, vários beijos bem dados, a água batendo sem pressa no corpo, o coração saciado.
Um dia a gente cria juízo.
Um dia.
Não tem que ser agora.
Por isso, garçom, por favor, me traga: cinco bolas de sorvete de chocolate,
um sofá pra eu ver 10 episódios do 'Law and Order', uma caixa de trufas bem macias e o Richard Gere, nu, embrulhado pra presente.
OK?
Não necessariamente nessa ordem.
Depois a gente vê como é que faz pra consertar o estrago ..."


Danuza Leão




2 comentários:

Fernanda Reali on 7 de agosto de 2009 18:38 disse...

Concordo 100%. sempre fui magra, mas me cuido horrores porque pior do que ser gordinha é ser magra com pneu na barriga - a tal pochete. Horrível.

As calças têm numeração errada por causa do cós baixo. Se atravessar a loja e comprar na seção de "senhoras", vais caber numa 38 com folga! Já testei várias vezes.

Só que AGORA, não adianta mais, porque outra já nos ultrapassou:
http://bit.ly/wywSz

Bjs

Elis (Coisas de Lily) on 7 de agosto de 2009 19:42 disse...

Fernanda... pra me livrar da pochete é só maneirar na Coca-Cola e fazer drenagem e massagem modeladora, se eu relaxar já era.
Não consegui ver o link.
Beijos!

 

Coisas de Lily Copyright © 2010 Designed by Elis